quinta-feira, 22 de abril de 2010

Incompetência da Prefeitura pára o Rio de Janeiro

Estou lendo nos principais jornais que o evento que a Igreja Universal fez ontem (21/04) na Praia de Botafogo parou o Rio. Não é para menos... Todos os eventos da IURD aqui no Rio o público é de aproximadamente 1 milhão de pessoas. Só a prefeitura não sabe disso.

Todo o Rio de Janeiro sabia desse evento. Na entrada de todas as Universais tinham faixas chamando as pessoas para o "Dia D". Estive semana passada em São João do Meriti, Caxias, Magé, Itaboraí, enfim, aonde tinha uma Igreja Universal, tinha faixas avisando. Será que só os "competentes" da prefeitura do Rio é que não sabiam do evento ?? Ninguém da prefeitura passou em frente de nenhuma Universal e viu as faixas? Tem uma bem grande no Catumbi e outra na Rua São Clemente, pertinho da prefeitura   E ainda querem punir a IURD ? Sem comentários....

No mínimo que o Eduardo Paes deveria fazer é exonerar o atual secretário de Ordem Pública, Alex da Costa. Como esse "competente" secretário diz que soube do evento pelos jornais, conforme está no jornal O Globo?? Será que ele não foi as ruas nos últimos 15 dias ?? Será que ninguém da SEOP passou em frente de uma Universal ??

Além do "competente" Alex da Costa, o diretor de operações da CET-Rio, Joaquim Dinis, disse que não esperava esse grande movimento.

Mais uma vez, a prefeitura não soube o que fazer com evento de grande multidão e pelo visto não vai aprender por um bom tempo.

Já tivemos os problemas durante o Carnaval e no próximo mês, teremos o Red Bull Air Race, que em 2007, levou mais de 1 milhão de pessoas para o mesmo local.

Com a palavra, os "competentes" da prefeitura.

Um comentário:

Adilson Fagundes disse...

O prefeito da Cidade do Rio de Janeiro, assim como outros prefeitos de municípios do Estado, estão se mostrando muito COMPETENTES sim, competentes, no sentido de COMPETIREM para serem os "donos" das chaves dos cofres municipais, INCOMPETENTES no sentido de não assumirem suas culpas nas péssimas administrações que vem fazendo à frente das prefeituras, é oportuno lembrar que, a maioria dos secretários municipais não tem conhecimento de causa nas áreas, aos quais foram "escalados".

 
PageRank